Comentário de Mercado

SOJA – CBOT opera em leve baixa nesta manhã de quinta-feira, a U$ 8,38. As perdas desta semana somam mais de 20 cents, pressionando o mercado para o pior patamar em um mês.
– O tema mais recorrente continua sendo o avanço da epidemia do coronavírus e seus desdobramentos severamente negativos para a economia global.
– Nos EUA, por pelo menos mais duas semanas diversas plantas processadoras de carne permanecerão fechadas, atendendo à quarentena imposta pelo governo.
– Dados muito negativos sobre a economia norte-americana e a fraca demanda por soja e milho naquele país vem estabelecendo pressão adicional nos preços em Chicago.
– Forte queda do petróleo também ajuda a manter o preço de milho e soja sob pressão ao tornar os combustíveis fósseis mais competitivos.
– Por outro lado, o esmagamento da indústria norte-americana, em março, ficou acima do esperado, com 4,94MT, 7% a mais do que no mesmo mês do ano passado.
– Com cerca de 75% da produção já vendida, é natural que o ritmo de negócios fique mais lento e é isto que se tem observado nos últimos dias.
– Para a temporada 2020/21 o volume negociado também é recorde, com mais de 30% já comprometido, ante cerca de 15% de anos anteriores.
– Indicações de compra no oeste do PR na faixa entre 94,50/96,00 – dependendo de local e de prazos.

MILHO – CBOT opera em ligeira alta nesta manhã de quinta-feira, a U$ 3,20/maio. Ontem houve perdas de 6 cents – chegando ao patamar mais baixo desde 2016.
– Nos EUA a produção de etanol está nos níveis mais baixos dos últimos anos. O USDA, em abril derrubou o uso de milho para etanol em quase 10MT, para 128,3MT. A tendência é que haja novos ajustes negativos no decorrer.
– Isto pode desestimular o plantio de milho, com aumento de área de soja.
– Além da queda do petróleo, o mercado está pressionado pela redução da demanda por carnes.
Também nos EUA, muitas plantas estão paralisando as atividades e há relatos de abate de plantéis de leitões.
– No Brasil, o mercado está retraído e travado. Volume de oferta voltou a crescer nos últimos dias e há somente vagas indicações de compra – no oeste do estado – na faixa de 45,50/46,50.
CÂMBIO – Opera levemente em alta, a R$ 5,25.