Comentário de Mercado

SOJA – Preços da soja chegam ao intervalo desta manhã de segunda-feira com perdas de 3 cents, cotada a 12,46/janeiro. Mercado vive um momento de ganhos e perdas, sem um rumo definido. Porém, na semana passada houve alta de 1,5%, atribuídos à melhora da demanda por parte da China, bem como ao aumento do esmagamento pela indústria norte-americana.
– Logo mais, o USDA irá divulgar o relatório de inspeções de embarque e, no fim da tarde, os dados de acompanhamento da colheita.
– O plantio da safra brasileira chega a 51%, ante 35% da mesma data do ano passado. Os dados fazem parte do levantamento semanal conduzido pela agência Safras & Mercado. A média histórica é de 40,4%. Na semana houve avanço de 15 pontos percentuais nos trabalhos de campo. No MT, 83% do plantio está finalizado (52% da mesma época do ano passado); no MS, 67% (50%); no PR, 63% (64%); em GO 59% (35%); em MG 55% (30%) e no RS 6% (8%).
– O mercado doméstico, que já vem calmo, ficará ainda mais travado nestes dias em razão do feriado de Finados. Prêmios nos portos na faixa entre 140/150 no mercado spot e entre 35/45 para embarque em fevereiro.
– Vagas indicações de compra no oeste do estado na faixa de 167,00/168,00. Negócios pontuais para indústrias locais podem ter ágios de até R$ 2,00/3,00 por saca. Em Paranaguá, indicações na faixa de R$ 171,00/172,00 – dependendo de prazo de pagamento e, no interior, também do local e do período de embarque.

MILHO – CBOT chega ao intervalo desta manhã de segunda-feira com ganhos de 3 cents, cotada a U$ 5,72/dezembro. Na semana passada, a alta chegou a 5,6%, tendo como principal fator o aumento da demanda por milho para produção de etanol; o suporte veio também dos altos custos dos fertilizantes, que concorrem para limitar a área de plantio do cereal na próxima safra dos EUA.
– No Brasil, o plantio de milho verão atinge 72,4%, ante 63,7% da mesma data do ano passado, segundo levantamento da agência Safras & Mercado. Por estado, os trabalhos atingem 96,6% no Rio Grande do Sul, 96,3% no Paraná, 90,2% em Santa Catarina, 57,9% em São Paulo, 52,2% e 35,6% em Minas Gerais.
– O ritmo de negócios no mercado interno deve seguir travado, especialmente nesta semana, que será bastante esvaziada. As indicações de compra se mantêm pressionadas, com pouca presença de compradores.
– Vagas indicações de compra são sugeridas na faixa entre R$ 87,00/88,00 no oeste do estado; em Paranaguá, entre R$ 89,00/90,00 – dependendo de prazos de pagamento e, no interior, também da localização do lote.
CÂMBIO – Opera em leve alta, na faixa de R$ 5,65; na sexta-feira, fechou em R$ 5,642 (Granoeste Corretora: Camilo / Stephan).